Para que serve a saliva? Como é constituída? Qual a quantidade de saliva que produzimos? Descubra tudo isso no artigo de hoje.

Quais são as funções da saliva?

A saliva é importante para o bom funcionamento geral do corpo humano, uma vez que fornece sensibilidade gustativa, ao neutralizar o conteúdo do esôfago e ao dissolver o suco gástrico. Facilita também a mastigação e a formação do bolo alimentar, para além de ajudar na fala.

A principal função da saliva é a humidificação e a lubrificação da mucosa orofaríngea e dos alimentos, facilitando assim a função digestiva, realizada pela enzima amílase salivar.

Tal como podemos verificar, a saliva é uma mistura homogênea de secreções produzidas maioritariamente pelas glândulas salivares e pelas glândulas bucais menores, que desenham um duplo papel: ajuda no processo de digestão e também na simplificação da deglutição dos alimentos.

A saliva também tem uma importante função na proteção do organismo contra vírus e bactérias presentes no aparelho respiratório e digestivo. Ao conter imunoglobulinas secretórias (ou seja, anticorpos) a saliva tem capacidade para proteger os dentes contra as cáries, assim sendo quanto maior for a quantidade de saliva segregada, maior também será a sua proteção contra a acidez oral.

 

saliva

Como se formam as cáries

Ao ter um efeito de limpeza bucal, a saliva é responsável por eliminar os vestígios alimentares e os microrganismos patogênicos na boca. Caso não tivesse esta ação, rapidamente os indivíduos afetados com o aparecimento de cáries e infeções seriam em maior número.

Segundo pesquisas realizadas, muitos dos grupos primitivos e indígenas, tinham uma melhor qualidade da saliva, uma menor acidez e, consequentemente, menos cáries, porque não tinham hábitos prejudiciais à saúde que muitos de nós hoje adotamos, como por exemplo, o consumo de tabaco, álcool ou açúcar em excesso, algo que prejudica a qualidade e eficácia da saliva.

 

Leia também estas curiosidades

- Conheça 8 mitos sobre o corpo humano
- Descubra o que comem e quanto gastam diferentes famílias do mundo

 

Características da saliva

A saliva é um líquido claro, viscoso, alcalino, com um pH que varia entre o 6 e 7, sendo este o valor básico recomendado para ajudar a prevenir as cáries dentárias. É composta essencialmente por água (95%), substâncias orgânicas (3%) e sais minerais (2%).

Para além disso, podemos ainda distingui-la segundo dois tipos de secreções proteicas: a serosa, rica em ptialina, responsável pela digestão do amido; e a mucosa, rica em mucina, responsável pela facilitação da mastigação e a passagem do bolo alimentar pelo esôfago através da deglutição.

 

Curiosidades sobre a saliva

A saliva também tem um importante papel no controle da quantidade de água necessária ao organismo, ou seja, quando o corpo começa a ficar desidratado, a boca começa a ficar seca, a saliva começa a ser produzida em menor quantidade, e começamos a manifestar uma maior sensação de sede;

Em média o ser humano produz entre 1 e 2 litros de saliva por dia!

 

Sabia tudo isso sobre a saliva? Fantástico o corpo humano, não acha?